Descida da Graciosa ameaçada pela previsão de chuva

ceu-carregado-wallpaper-14175

 

Se chover durante a madrugada de sexta-feira (15) e ao amanhecer de sábado a descida da Graciosa será cancelada por motivos de segurança.
A análise da viabilidade e manutenção do passeio  será feita pelo coordenador do CICLOVIDA/UFPR José Carlos Belotto, às 5:00 hs deste sábado (16). Em caso de dúvida os participantes devem confirmar a realização ou não do passeio com o Belotto (41-9926-4096) a partir das 5:15 hs da manhã do mesmo dia.

 

 

 

Cartaz: Descida da Graciosa para o Festival de Inverno de Antonina

UFPR inverno Ciclo Vida

Artigo “Diferenças socioeconômicas e regionais na prática do deslocamento ativo no Brasil”

RESUMO

OBJETIVO: Apresentar estimativas nacionais sobre o deslocamento a pé ou de bicicleta no trajeto casa-trabalho no Brasil e em 10 de suas regiões metropolitanas.

MÉTODOS: Utilizando dados do Suplemento sobre Saúde da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios de 2008, estimamos a frequência de pessoas empregadas que se deslocam a pé ou de bicicleta no trajeto casa-trabalho estratificada por sexo, e segundo faixa etária, escolaridade, renda domiciliar per capita, residência em área urbana ou rural, regiões metropolitanas e macrorregiões do país. Adicionalmente, estimamos a distribuição da mesma frequência segundo quintos da distribuição da renda domiciliar per capita em cada região metropolitana.

RESULTADOS: Um terço dos homens e mulheres empregados desloca-se a pé ou de bicicleta de casa para o trabalho no Brasil. Em ambos os sexos, esta proporção diminui com o aumento da renda e da escolaridade e é maior entre os mais jovens, entre os que residem em área rural e naqueles residentes na região Nordeste. A depender da região metropolitana, a prática de deslocamento ativo entre os mais pobres é de duas a cinco vezes maior do que entre os mais ricos.

CONCLUSÕES: O deslocamento a pé ou de bicicleta para o trabalho no Brasil é mais frequente entre os mais pobres e entre pessoas que vivem em áreas e regiões economicamente menos desenvolvidas. A avaliação do deslocamento ativo no País traz informações importantes para a discussão de políticas públicas de mobilidade.

DESCRITORES: Atividade Motora. Caminhada. Transportes. Saúde Urbana. Planejamento de Cidades. Desigualdades em Saúde. Cidade Saudável. Zonas Metropolitanas.

O artigo na íntegra pode ser conferido no link:
http://www.scielo.br/pdf/rsp/v50/pt_0034-8910-rsp-S1518-87872016050006126.pdf

 

Inscrições abertas para o Festival de Inverno da UFPR

image

 

Já estão abertas as inscrições para o Festival de Inverno da UFPR, em Antonina. O ciclovida terá duas atividades no festival:

Um passeio cicloturístico até Antonina, e a confecção de um folder de cicloturismo para Antonina, descrita como “atividade paralela” no site. Todas as informações e o link para inscrição estão no site doFestival: http://www.proec.ufpr.br/festival2016/links/inscricoes.html

LIVRO: O AUTOMÓVEL

O Brasil tem hoje mais de 61 milhões de automóveis. Em 2009, passou de oitavo lugar (2007) para a quinta posição na lista dos países com maior número de veículos no mundo, atrás somente dos Estados Unidos, Japão, China e Alemanha.

As grandes cidades param em horas de pico e os prejuízos passam de R$ 35 bilhões, por ano, no que diz respeito ao consumo extra de combustíveis, acidentes, estresse e doenças, físicas e psicológicas, provocadas pelo trânsito caótico de metrópoles e cidades de grande porte.

Para agravar o problema, o trânsito brasileiro é um dos mais violentos do mundo, fazendo até seis vezes mais vítimas do que as frotas de carro da maioria dos países europeus. De acordo com o Denatran, o Brasil atingiu em 2008, a marca de 57 mil mortes por acidentes – o que equivale a 156 mortes por dia ou seis a cada hora. Um ano antes, em 2007, as mortes chegaram a 66.836, ou 183 por dia e 7,6 por hora.

Instalado o problema é preciso encontrar soluções, medidas potentes e não paliativas para tornar a relação cidade x automóvel x qualidade de vida possível e harmoniosa. Entre as medidas apontadas no livro para melhorar a gravidade do tráfego brasileiro, o trabalho aponta a retomada da bicicleta como meio de transporte, a revitalização e melhor planejamento de ruas e estradas e o uso estratégico de trens (subterrâneos e de superfície).

 

Confira o livro no link:

http://www.fiscaltech.com.br/o-automovel.html

Estréia a via calma da Av. João Gualberto

Na última sexta-feira (17), ocorreu o lançamento da via calma da Av. João Gualberto, com pedalada que contou com a presença do prefeito Gustavo Fruet. Após a pedalada, os ciclistas se dirigiram para a Prefeitura, onde se juntaram a representantes da Universidade Federal do Paraná, Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR), Universidade Positivo (UP) e Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), para serem apresentados à administração municipal e ao cônsul honorário dos Países Baixos os primeiros resultados de seus trabalhos sobre ciclomobilidade em Curitiba.

As pesquisas vem de um acordo entre a prefeitura e o governo holandês que busca ampliar o potencial da bicicleta como meio de transporte na cidade, por meio do Termo de Entendimento entre Instituições Brasileiras e Holandesas para Aumentar o Potencial de CicloMobilidade Rumo a uma Smart Curitiba, que visa consolidar a bicicleta como opção de mobilidade segura e abrangente através de projeto inovadores em arquitetura, planejamento urbano e design.

Confira algumas fotos do evento na Prefeitura:

Fotos e vídeo do passeio ciclo turístico pela Fazenda Canguirí e Represa do Iraí – 30/04/16

No último dia 30/04 ocorreu o passeio ciclo turístico do Ciclovida que passou pela Fazenda Canguirí e Represa do Iraí. Confira os registros do passeio:

https://www.youtube.com/watch?v=YRdHQRXkrPs

 

 

 

Passeio Cicloturístico na Represa do Iraí

Passeio cicloturístico a vista!

No próximo dia 30, prepare a bicicleta e o capacete para uma pedalada até a Represa do Iraí. Aproximadamente 50km de pedalada até a represa.

Local de encontro: Asufepar (Rua Carlos Pradi nº18)
Concentração:7h30
Saída: 8h00
Retorno estimado 13h30

Represa do Iraí

Começa o calendário de Cicloturismo de 2016

As primeiras datas do calendário de Cicloturismo já estão disponíveis!

Calendario Cicloturismo CicloVida JPG

Oslo, na Noruega, será a primeira capital do mundo a proibir totalmente o uso de carros nas ruas

Com informações do site The Greenestpost
(www.thegreenestpost.com)

A prefeitura de Oslo, na Noruega, anunciou e não pretende voltar atrás: a cidade proibirá a circulação de automóveis em todas as suas ruas em 2019. Será a primeira capital do mundo a banir o carro de vez. Para isso, os gestores prometem investir em transporte público e construir mais de 56 mil quilômetros de ciclovias.

A medida, entretanto, já começou a preocupar os proprietários de carros que moram na capital e que não são poucos – 350 mil pessoas possuem automóveis na cidade, segundo a prefeitura. A medida, embora polêmica, é estratégica. Garantirá à Oslo o título de primeira capital do mundo a proibir carros nas ruas e coloca a cidade no topo do ranking dos municípios mais sustentáveis do planeta.

A poluição do ar e o barulho vão diminuir por lá, o trânsito vai melhorar incrivelmente, andar na rua a pé ou de bike será mais seguro e, como consequência, os moradores da cidade ganharão qualidade de vida. Por isso, os moradores devem começar a se habituar a outros meios de transporte.

oslo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Conheça outras 5 cidades do mundo que prometem acabar com o uso de automóveis

Enquanto as ciclovias de São Paulo provocam amor e ódio entre a população da capital paulista – que historicamente é apaixonada por carros –, diversas cidades de grande porte, do mundo inteiro, vêm investindo na tendência. Para encorajar a vida sem carro, as cidades baniram automóveis em áreas estratégicas e investiram em ciclovias.

Abaixo, confira as iniciativas das cidades mais ousadas e comprometidas em reduzir a emissão de gases efeito estufa, melhorar a saúde dos moradores e combater o aquecimento global.

1. MADRID (ESPANHA)
A primeira medida foi criar áreas onde carros são proibidos. No total, foram dois quilômetros quadrados. Apenas pessoas que moram na área são autorizadas a dirigir por lá (e somente para guardar o carro). Se você quiser ir para o centro de Madrid de carro, precisará estacionar em um dos locais credenciados pela prefeitura – se a lei for desobedecida, o motorista deverá arcar com multa de 90 euros. Além disso, a cidade criou um programa de compartilhamento de bicicleta com mais de 1.500 magrelas elétricas, concentradas em 120 diferentes estações.

2. DUBLIN (IRLANDA)
Conhecida por seu trânsito caótico, a décima cidade mais congestionada do mundo já tem um plano para melhorar a mobilidade urbana. A ideia é transformar as principais avenidas da cidade em áreas para pedestres, ciclistas e ônibus, sem nenhum carro.

3. HAMBURGO (ALEMANHA)
O plano é transformar 40% da cidade em áreas proibidas para carros até 2034. Para tanto, a prefeitura tem investido em ciclovias, parques, centros esportivos, jardins e cemitérios. A grande motivação do investimento é frear os efeitos colaterais do aquecimento global, que já provou o aumentou do nível do mar em 20 centímetros .

4. COPENHAGEN (DINAMARCA)
Aproximadamente 50% da população usa a bicicleta para chegar até o trabalho ou escola. É lá que você encontrará as ciclovias mais movimentadas do mundo, que abrigam mais de 36 mil ciclistas por dia em seus 390 km de extensão – existem mais bicicletas na cidade do que pessoas. O objetivo é virar o primeiro país sem emissão até 2025.

5. HELSINQUE (FINLÂNDIA)
Apesar de promissor crescimento urbano, autoridades da cidade acreditam que a quantidade de carros não aumentará no mesmo ritmo. O investimento em transporte público tem aumentado ano a ano e eles acreditam que a população optará por bicicletas e caminhadas em vez de carros.

Matéria originalmente publicada em: http://jc.ne10.uol.com.br/blogs/deolhonotransito/2016/03/17/oslo-na-noruega-sera-primeira-capital-do-mundo-proibir-totalmente-o-uso-de-carros-nas-ruas/

 

 

 

O Programa Ciclovida e
a Invasão das Bicicletas


Categorias

julho 2016
D S T Q Q S S
« jun    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
ucretsiz porno izle porno izle free porno izle porno çocuk pornoları free porno izle porno free çocuk pornosu vajinal sex türk sex izle çocuk pornosu sohbet chat sohbet odalari sohbet sitesi sex sohbet gay sohbet sex free porno izle bab porno mobil porno porno film orospu porno sex sikis zevk porno tsimc.com sex sakso porno porno filmler ucretsiz sex porno mobil porno liseli porno bedava porno rahat porno porno izle legal porno oral porno free porn videos turk sex garden porno sex hikayesi porno tube free porno porno sex izle porno free porn porno film amcik porno lezbiyen sex lezbiyen porno hd porno cocuk pornosu fuck free porn porno tube sex tube free cam porn izle porno hd sex izle porn porn sex kral sex rus porno asyali porno azerbaycan porno erotik sex bedava sex sikis porno brazzer sex porno lezbiyen free sex anal porn oral porno ucretsiz porno orospu sikis izle uygunsuz sex geciktirici satis sex shop anal sex porno tube turk porno zenci porno anal porno rus pornosu free porno izle mobil porno genc porno teen porn pornon.org teen porno zenci amcik pornosu porno tv sex izlemek sikisken kizlar pornosu sex video porno video porno film izle japon porno turk porno lolita porno sikis guncel porno zenci porno izle ucretsiz sikis xhamster genc porno sikis izle hd porno seks tv fvgweb.org çocuk pornosu free porn anal porno türk porno sex izle mobil porno zenci porno hdmobilporno.com sex izle porno porno porno izle bedava porno porno indir travesti porno rus porno porno tv rokettube porno türk porno porno tv porn porno izle sikis sitesi sex videos porno izle porno videolar turkish porno porno izle fvgweb.org trsohbet.com sohbetci.com geveze.org sohbetodalari.net