Arquivo do mês: outubro 2015

Livro “A Cidade em Equilíbrio” é lançado

No dia 18/09/15, após a realização do lX Desafio Intermodal de Curitiba, ocorreu o lançamento do livro “A Cidade em Equilíbrio: contribuições teóricas ao terceiro Fórum Mundial da Bicicleta – Curitiba 2014″. A coletânea de artigos é uma publicação elaborada dentro da parceria entre o Programa de extensão Ciclovida da UFPR e a Cicloiguaçu (Associação dos ciclistas do Alto Iguaçu). São organizadores do livro os servidores da UFPR, José Carlos Assunção Belotto e Silvana Nakamori e pela Cicloiguaçu Jorge Brand (Goura Nataraj) e Luiz Claudio de Brito Patrício. No lançamento estiveram presentes diversos dos autores, o Reitor da UFPR, Prof. Zaki Akel Sobrinho, e a Secretaria de Trânsito Municipal Luíza Simonelli entre outros convidados.

O livro está disponível para exibição e download em pdf no link: Cidade em Equilíbrio

Abaixo, fotos da cerimônia de lançamento:

Ong “Rodas da Paz” de Brasilia lança cartilha “Caminhos da cidade: Atividades interdisciplinares sobre mobilidade urbana”

Caminhos-da-Cidade_lista_exercícios

Amsterdam é aqui: nove cidades brasileiras com alto uso de bicicleta

“As bicicletas vieram para ficar” é uma destas frases de senso comum que, além de conter uma ideia vazia em si, carrega equívocos de interpretação historiográfica. Desde o início do século XX as bicicletas estão presentes em nossas cidades. Em maior ou menor quantidade, com mais ou menos visibilidade, mas sempre estiveram presentes.

Se nas grandes cidades ou nas cidades em crescimento os automóveis ainda dominam a paisagem e a ocupação da maior parte das vias públicas, o mesmo não pode ser dito sobre algumas cidades brasileiras de pequeno porte – até 100 mil habitantes, de acordo com o IBGE.

No último final de semana de Setembro, a convite da UCB – União de Ciclistas do Brasil, Rede Bicicleta para Todos, Aliança Bike e da Rede Bike Anjo, a cidade de São Paulo recebeu a visita de representantes de nove prefeituras de cidades pequenas que possuem uma ampla e disseminada cultura da bicicleta.

Vieram prefeitos, vice-prefeitos e secretários para conhecer a maior feira nacional do setor de bicicletas, a Brasil Cycle Fair, bem como visitar e analisar algumas das políticas públicas em implantação na cidade de São Paulo.

O diálogo e a troca de informações foram tão enriquecedores que as organizações realizadoras, juntamente com estas prefeituras, já estão estruturando uma ampla pesquisa sobre a cultura da bicicleta em cidades de pequeno porte, visando a investigar profundamente as características locais que fazem destas cidades nossas pequenas “Amsterdans tupiniquins”.

Confira as características principais destas cidades que mantém a cultura da bicicleta no Brasil presente, aquecida e difundida:

Tarauacá (Acre)

 

Tarauaca-620x315

População (2014): 38.201 habitantes, sendo 52% urbana e 48% rural

Estimativa de viagens diárias feitas em bicicleta (Prefeitura): entre 40 e 60%

Quantidade de bicicletas: 3 a 4 bicicletas por domicilio

Características: Cidade centenária, localizada no extremo noroeste brasileiro, na confluência dos rios Tarauacá e Muru. De geografia plana, estabelecida no vale do Juruá, Tarauacá ainda faz fronteira com o Perú.

“No município são 27 mil bicicletas contra 800 automóveis. Este ano fizemos uma audiência pública para implantação da primeira linha de ônibus municipal e veja só o que aconteceu: a população rejeitou a ideia. Disseram que já se sentem contemplados usando bicicleta, moto e caminhando”, revelou o vice-prefeito da cidade de Tarauacá.

Cáceres (Mato Grosso)

 

https://www.youtube.com/watch?v=LO187zCZrDQ

População (2014): 90.106 habitantes

Estimativa de viagens diáruas feitas em bicicleta (Prefeitura): Entre 60 e 70%

Quantidade de bicicletas: 130 mil bicicletas

Características: Localizada no alto Pantanal, Cáceres faz fronteira com a Bolívia. Com temperatura média anual de 22,6 graus, sua geografia é predominantemente plana, contando também com planícies pantanosas. É considerada a “cidade das bicicletas”.

“Na minha cidade dizemos que mexer com os ciclistas é sinônimo de enterrar a carreira política”, revelou o Secretário de Governo de Cáceres.

Para conferir as outras cidades e ler a matéria completa, acesse: http://www.uniaodeciclistas.org.br/artigos/amsterdam-e-aqui-nove-cidades-brasileiras-com-alto-uso-de-bicicleta/

 

Exposição de Bikes no Shopping São José dos Pinhais

A Dia01_continua (567) A Dia01_continua (571) (1)

Paraciclos padrão UFPR fazem parte de exposição  de paraciclos e bicicletas em Shoping de São José dos Pinhais, os paraciclos criados por alunos do curso de Design sob orientação do Profº Ken Fonseca, foram desenvolvidos em parceria com o Programa Ciclovida e em 2012 foram adotados como padrão na UFPR, quando foram instaladas 600 vagas para estacionamento de bicicletas nos diversos campi da UFPR.

O Programa Ciclovida e
a Invasão das Bicicletas


Categorias

outubro 2015
D S T Q Q S S
« set   nov »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031